Redução de até 10% do consumo de combustível: Por que motivo o Volvo FH com I-Save está “na linha da frente” para o transportador francês

Leitura de 4 minutos Leitura de 4 minutos

O transportador francês líder Gautier Fret Solutions (GFS) foi um dos primeiros a testar o novo Volvo FH com I-Save. Um ano depois, os resultados são impressionantes - o consumo de combustível foi reduzido em três litros por cada 100 consumidos.

A Gautier Fret Solutions (GFS) tem menos de um ano; no entanto, Jean-Yves Gautier passou a vida no setor e o legado da sua família tem raízes muito mais antigas. Em 1949, o seu pai, Rémy Gautier, fundou a Société des Transports Gautier (STG) com uma modesta frota de dois transportadores de gado e um petroleiro. No ano passado, quando Jean-Yves vendeu a empresa a um grupo de investidores, a STG tinha cerca de 3500 funcionários. 

Jean-Yves Gautier, fundador e proprietário da GFS

Jean-Yves Gautier, fundador e proprietário da GFS

No início de 2019, Jean-Yves Gautier fundou a GFS, especializada no transporte de peças sobresselentes, pneus, óleo e mobiliário no noroeste de França. A sua nova empresa já tem mais de 450 funcionários e uma frota de 220 camiões. “O nosso objetivo passa por sermos líderes na região ocidental de França ao nível do fornecimento de produtos industriais”, explica Jean-Yves Gautier. “A chave do nosso sucesso reside na disponibilidade para ouvirmos os clientes e adaptarmo-nos à mudança, além do facto de confiarmos sempre nos nossos funcionários e lhes facultarmos o melhor equipamento.”

À semelhança da maioria das empresas de transporte, o combustível é um dos maiores custos da GFS - cerca de 25-30 por cento. “Precisamos de otimizar a nossa frota e de ter os nossos veículos em movimento tanto quanto possível”, afirma Jean-Yves Gautier, destacando os três fatores chave para a minimização do consumo de combustível. “Em primeiro lugar está a escolha do veículo - é importante escolher a linha motriz certa. Em segundo lugar, trata-se de ministrar a formação adequada ao motorista. E em terceiro lugar está a tecnologia a que agora temos acesso.” 

Os mais recentes desenvolvimentos que a Volvo Trucks acrescentou aos seus veículos ajudar-nos-ão a atingir níveis de consumo de combustível que não seriam possíveis há alguns anos atrás.

Jean-Yves Gautier, GFS

O Volvo FH com I-Save a passar por uma casa

Quando a Volvo Trucks necessitou de um cliente para testar o seu novo Volvo FH com I-Save em condições operacionais reais, a GFS foi um candidato óbvio. Ao longo do último ano, a empresa tem utilizado um Volvo FH com I-Save, percorrendo normalmente 15.000-20.000 kms por mês, com um peso bruto de conjunto médio de 30 toneladas. 

Ao fim de 12 meses, o camião percorreu 140.000 km e a GFS constatou uma redução de combustível entre 7 e 10 por cento em comparação com os seus outros veículos, além de uma redução de 30-40 por cento nos custos relacionados com AdBlue. “Os mais recentes desenvolvimentos que a Volvo Trucks acrescentou aos seus veículos ajudar-nos-ão a atingir níveis de consumo de combustível que não seriam possíveis há alguns anos atrás”, afirma Jean-Yves Gautier. “Com este novo motor e a nova tecnologia, a Volvo estará na linha da frente.” 

O motorista Stéphane Huchet no Volvo FH com cabina I-Save

Stéphane Huchet, Motorista, GFS

Os motoristas da GFS estão igualmente impressionados com o Volvo FH com I-Save, com muitos a afirmarem que proporciona mais binário e menos ruído e que faz com que seja mais fácil conduzir com maior eficiência ao nível do combustível. “Dado o tipo de estradas em que conduzo, utilizo frequentemente o cruise control e o I-See”, explica Stéphane Huchet, um motorista que conduz camiões há 26 anos. “O I-Save e a tecnologia turbo compound significam que, numa mudança baixa, continuo a poder conduzir a uma velocidade comercial e poupar ainda mais combustível.”

Além de novos veículos e tecnologias, a GFS está igualmente a explorar combustíveis alternativos e vê grande potencial no GNL. De facto, a empresa está atualmente em negociações com o fornecedor de gás Air Liquide e o município local sobre a construção de um posto de abastecimento de GNL perto das suas instalações. Como parceiro de longa data da Volvo Trucks, a GFS está também a analisar o Volvo FH GNL.

“Tivemos algumas demonstrações e os camiões Volvo GNL também são muito bons”, explica Jean-Yves Gautier. “Com a sua tecnologia Diesel, é um dos camiões GNL com melhor desempenho e, como tal, é certamente um investimento que estamos a considerar - fiquem atentos a este espaço para mais informações!”

O Volvo FH com I-Save passa por um lago e é refletido na água

 

Gautier Fret Solutions (GFS)
Estabelecida em:
2019
Proprietário: Jean-Yves Gautier
Localização: Rennes, França
Funcionários: 450 (incluindo 290 motoristas)
Frota: 220 camiões
Volume de negócios anual: 50 milhões de euros
Maiores clientes: Michelin, TOTAL, Pirelli e Goodyear
História: Rémy Gautier fundou a Société des Transports Gautier (STG) em 1949 e originalmente transportava animais vivos entre Rennes e Paris. O filho de Rémy Gautier, Jean-Yves, vendeu a empresa em 2018 e fundou a Gautier Fret Solutions (GFS).
Serviços: A GFS especializou-se no transporte de produtos industriais na região ocidental de França, incluindo peças automóveis, pneus, óleos e mercadorias para o setor de papel.


Volvo FH com I-Save

O Volvo FH com I-Save é o veículo de longo curso mais eficiente em termos de consumo de combustível da Volvo Trucks até à data. O seu motor D13TC e as funcionalidades atualizadas ao nível do consumo de combustível foram projetados para reduzir os custos de combustível até sete por cento. O motor D13TC utiliza a tecnologia Turbo Compound, presente em motores de aviões de alta potência adaptados para a estrada, com a unidade TC a reutilizar o excesso de calor e energia dos gases de escape do camião. Toda a linha motriz foi igualmente calibrada para a máxima eficiência ao nível do combustível, com um novo design dos pistões que proporciona uma menor perda de energia térmica. Além disso, o I-Save integra as tecnologias de ponta da Volvo Trucks, como, por exemplo, o software I-See com base em mapas e o I-Cruise com I-Roll. É especialmente adequado para operadores de longo curso que normalmente percorram mais de 120.000 km por ano.

Related News

“A diferença é enorme”: Poupanças significativas de combustível e de AdBlue nas desafiantes estradas da Finlândia

A empresa finlandesa Kuljetusliike Antti Airaksinen começou recentemente a utilizar um Volvo FH com I-Save nas suas operações de distribuição alimentar. Desde então, o consumo de combustível diminuiu 4,5 litros por 100 quilómetros, o que teve um ...

“Difícil de superar”: Redução do consumo de combustível para apenas 24 litros por cada 100 km com o Volvo FH com I-Save

Ao fim de anos de melhoria contínua ao nível da eficiência do combustível, a Manuel Gonzalez Transportes acreditava que a sua frota tinha atingido um nível que não podia sofrer grandes reduções. Foi então que a empresa experimentou o novo Volvo FH ...